Registro de Imóveis de Cachoeira do Sul

(51) 3530-4745
(51) 99952-4556

NOTÍCIAS

12 DE JANEIRO DE 2021
STJ – Primeira Seção vai definir necessidade de comprovação do ITCMD para homologação de partilha

A Primeira Seção do Superior Tribunal de Justiça (STJ) decidiu afetar os Recursos Especiais 1.896.526 e 1.895.486 – ambos de relatoria da ministra Regina Helena Costa – para julgamento sob o rito dos repetitivos.

A questão submetida a julgamento, que está cadastrada como Tema 1.074 na base de dados do STJ, discute a “necessidade de se comprovar, no arrolamento sumário, o pagamento do Imposto de Transmissão Causa Mortis e Doação (ITCMD) como condição para a homologação da partilha ou expedição da carta de adjudicação, à luz dos artigos 192 do CTN e 659, parágrafo 2º, do CPC/2015”.

Até o julgamento dos recursos e a definição da tese, o colegiado determinou a suspensão, em todo o território nacional, dos processos individuais ou coletivos que versem sobre a questão delimitada.

Comprovação desnecessária

No acórdão de afetação dos processos, a ministra Regina Helena Costa destacou que a Primeira e a Segunda Turmas do STJ têm o entendimento pacífico de que, no procedimento de arrolamento sumário, é desnecessária a comprovação da quitação do ITCMD como requisito para homologar a partilha ou expedir a carta de adjudicação. No entanto, um levantamento na base de jurisprudência do tribunal revela a existência de 11 acórdãos sobre a matéria e mais de uma centena de decisões monocráticas a respeito.

“Embora uniforme o entendimento no âmbito das turmas de direito público, tal circunstância tem-se mostrado insuficiente para impedir a distribuição de inúmeros recursos a esta corte veiculando o tema”, observou a relatora.

Recursos repetitivos

O Código de Processo Civil regula, no artigo 1.036 e seguintes, o julgamento por amostragem, mediante seleção de recursos especiais que tenham controvérsias idênticas. Ao afetar um processo – ou seja, encaminhá-lo para julgamento sob o rito dos recursos repetitivos –, os ministros facilitam a solução de demandas que se repetem nos tribunais brasileiros.

No site do STJ, é possível acessar todos os temas afetados, bem como saber a abrangência das decisões de sobrestamento e as teses jurídicas firmadas nos julgamentos, entre outras informações.

Leia o acórdão de afetação do REsp 1.896.526.

Esta notícia refere-se ao(s) processo(s):

REsp 1896526

REsp 1895486

Fonte: Superior Tribunal de Justiça

Outras Notícias

Anoreg RS

04 DE MARçO DE 2021
IBDFAM – Artigo propõe considerações críticas sobre os impedimentos matrimoniais

A publicação científica do Instituto Brasileiro do Direito de Família – IBDFAM já está disponível para os...


Anoreg RS

04 DE MARçO DE 2021
Defesa – SPUApp facilita acesso a serviços sobre imóveis de patrimônio da União

O aplicativo está disponível gratuitamente no Google Play e é um novo canal digital destinado a ocupantes de...


Anoreg RS

04 DE MARçO DE 2021
Câmara dos Deputados – Projeto adia aplicação de multas a empresas que descumprirem Lei Geral de Proteção de Dados

LGPD prevê o início da aplicação de penalidades a partir de agosto.


Anoreg RS

04 DE MARçO DE 2021
CNJ – Nova legislação tributária pode reduzir volume de processos judiciais

O objetivo é que as partes possam obter resultados mais rápidos do que aqueles que ela obtém hoje no STF.


Anoreg RS

04 DE MARçO DE 2021
CNJ – Comissão inicia trabalho para padronização mínima em sites do Judiciário

A Comissão Permanente de Comunicação do Poder Judiciário do CNJ trabalha para iniciar processo de...


Anoreg RS

03 DE MARçO DE 2021
IBDFAM – Herdeiro independe de registro formal da partilha de imóvel para propor extinção do condomínio

Dos ministros da Corte, apenas Moura Ribeiro esteve ausente e não votou.


Anoreg RS

03 DE MARçO DE 2021
Senado – Aprovado acordo internacional sobre apoio às exportações agrícolas

O Plenário do Senado aprovou, nesta terça-feira (2), o Projeto de Decreto Legislativo (PDL) 568/2020, que confirma...


Anoreg RS

03 DE MARçO DE 2021
STJ – Ministro mantém criança em família provisória com a qual vive há cinco anos

Para o ministro, não seria conveniente, no caso, a imediata e abrupta interrupção do vínculo sedimentado entre a...


Anoreg RS

02 DE MARçO DE 2021
IBDFAM – Saiba reconhecer 8 formas de violência contra a mulher

A violência contra a mulher pode ser entendida como qualquer conduta de discriminação, agressão ou coerção,...


Anoreg RS

02 DE MARçO DE 2021
IBDFAM – Filho maior de idade declarado incapaz tem direito à pensão por morte da mãe

O entendimento confirmou a sentença da 2ª Vara Cível da comarca de Torres, que concedeu o pedido ao filho,...